quarta-feira, 23 de março de 2011

AMOR DE FÃ


Casualmente te encontrei,
Admiração nasceu enfim...
Fã ardoroso me tornei,
O teu sentir sinto em mim...
Como posso sentir-te assim?
Como sentes... o meu sentir?
Quero ser o teu jasmim...
Personagem oculta no teu existir.
Busco-te na tela muda...
Leio-te nos sites da Internet,
Se não postas tudo muda...
Se postas bendigo a Net!
Como escreves, descreves...
Do papel ofício fazes passarela,
Situações, ações tão diferentes...
Colorindo-me tal qual aquarela!
Ao ver-te Online o coração pulsa,
O verde é vida, emoção me traz...
Sem ser poeta és inspiração 
Estando off... Que tristeza dás!
Amor de fã... Anonimato!
Nada sabes do meu existir...
Na muda tela cada escrito teu é fato!
Como é fato o meu amor por ti!

 escrito por :EstherRogessi

Nenhum comentário:

Postar um comentário